Titanita

A titanita é um silicato de cálcio e titânio que vem sendo usado na produção industrial de pigmentos. Anteriormente era conhecida como “esfêno” pela forma de cunha, comum nos seus cristais, mas o uso deste nome não é recomendado.

ClassificaçãoNesossilicatosFórmula QuímicaCaTiO(SiO4)
Dureza5 – 5,5BrilhoResinoso a adamantino
CorCinza, castanho, verde, amarelo, preto.ComposiçãoCaO 28,6%, TiO2 40,8%, SiO2 30,6%. Pode conter pequenas quantidades de terras raras, Fe, Al, Mn, Mg e Zr.
CristalografiaMonoclínicoClasse2/m
HábitoCristais em forma de cunha fina com arestas agudas. Usualmente bem cristalizada. Massiva ou lamelar.ClivagemBoa em {110}, partição em {100} pode estar presente.
FraturaDensidade relativa3,4 – 3,55
Propriedades ÓpticasBiaxial positivo.Propriedades DiagnósticasHábito (cristais em forma de cunha) e brilho intenso.
AssociaçãoClorita, minérios de ferro, piroxênio, anfibólio, escapolita, zircão, apatita, feldspato e quartzo.OcorrênciaMineral acessório de pequeno tamanho nas rochas ígneas plutônicas ácidas. Em cristais maiores nas rochas metamórficas (gnaisse, clorita xisto e calcário cristalino).
UsosFonte de titânio para pigmento. Gema em menor medida.Traço