Epídoto

Constitui-se no grupo mais importante dos sorossilicatos, composto de vários minerais isoestruturais monoclínico (clinozoisita, epídoto, allanita) e um que pode ser descrito como polimorfo (a zoisita, de mesma composição que a clinozoisita mas ortorrômbico). Este grupo está formado por silicatos complexos de alumínio e cálcio com fórmula geral X2Y3O(SiO4)(Si2O7)(OH).

Os minerais possuem uma estrutura complexa de cadeias de octaédros de AlO6 e AlO4(OH)2, unidos por grupos de SiO4 e Si2O7 isolados; e apresenta duas espécies iônicas (X e Y) na rede cristalina.

A allanita é usualmente achada alterada pelo processo de metamictização gerado por seus próprios constituintes radioativos.

ClassificaçãoSorossilicatosFórmula Química(Ca,Ce,La,Y,Th,Fe2+,Mn2+,Mn3+)2(Al,Fe3+,Mn3+,Mn2+Ti,Cr)3O(SiO4)(Si2O7)(OH)
Dureza6 – 7, dependendo da variedade (menor na allanita).BrilhoVítreo. Submetálico ao do [simple_tooltip content=”Minerais com este tipo de brilho são frequentemente radioativos”]piche[/simple_tooltip], ou resinoso na allanita.
CorMais comum em variedades de verde (amarelado a escuro). Também branco-acinzentado ou róseo (clinozoisita), ou castanho a preto (allanita). Transparente a translúcido.ComposiçãoDefinida pela fórmula: X2Y3Z3(O,OH,F). Na posição X: Ca2+,Ce3+,La3+,Na+. Na Y: Al3+,Fe3+,Mn3+,Fe2+,Mg2+. E na Z: Si e, as vezes, Be.
CristalografiaMonoclínicoClasse2/m
HábitoUsualmente grosso a fino granular. Também fibroso, colunar, maciça granular. Os cristais são usualmente estriados paralelamente ao comprimento.ClivagemPerfeita em {001} e imperfeita em {100} (exceto a allanita).
FraturaDensidade relativaEm geral 3,25 – 3,45 e na allanita 3,5 – 4,2.
Propriedades ÓpticasBiaxial positivo ou negativo, segundo a espécie.Propriedades DiagnósticasCor verde, clivagem perfeita e estrias na variedade mais comum.
AssociaçãoSão minerais de alteração, sendo associados como subproduto do plagioclásio (feldspato cálcico), piroxênio, anfibólio e biotita; e como produtos do mesmo tipo de metamorfismo à actinolite, albita, clorita e outros epídotos. Também com o calcário como mineral de contato com depósitos metamórficos. Normalmente o processo de alteração que da origem aos minerais do grupo, corresponde a condições de metamorfismo em baixa temperatura.OcorrênciaEncontrado em rochas metamórficas cristalinas, produto da alteração mineral. Também como mineral de contato de depósitos metamórficos com o calcário. A allanita ocorre como acessório de menor importância em rochas ígneas.
UsosTraço